E ENTÃO, É NATAL…

Começam a aparecer as casas decoradas, Papai Noel subindo escadas, descendo de para-quedas, luzes piscantes, renas e neve em pleno país tropical. – É inverno ou verão no Natal? Outro dia ouvimos uma criança perguntando isso pra outra, e o amigo respondeu: – Eu acho que é verão, eu lembro que é calor. E o outro disse: – Mas tem neve! É engraçada essa pequena confusão. Afinal o que é o Natal? De onde vem? Por que essa imagem do Papai Noel, esse ritual de troca de presentes e uma grande árvore decorada? Dando uma rápida pesquisada online percebemos que tudo isso é fruto de uma grande mistura de crenças religiosas e pagãs, rituais muito antigos e vindos de fora e, que com o tempo, foram perdendo sua verdadeira essência. Muitos destes símbolos e histórias são bem bonitos e cheios de significado, porém a maioria deles se perdeu por aí….Pra quem gosta de pesquisar a história das coisas na nossa atual e infinita “Barsa digital”, aí vai um link do jornal El País onde já dá pra sentir a origem dessa mistureba histórico-cultural toda:    https://bit.ly/2BBFik7O fato é que o Natal está totalmente incorporado à nossa cultura, há muitos anos celebramos a passagem do dia 25/12, reunindo a família e os amigos, fazendo uma grande ceia e trocando presentes. E isso é bom ou ruim? Talvez a melhor pergunta para fazermos seria: qual é a nossa real motivação quando aderimos à esse ritual? Se nossa motivação for somente consumir desenfreadamente, ter a casa mais decorada do bairro e oferecer uma ceia de Natal exagerada e cheia de desperdícios…não parece ser muito bom. Agora, se aproveitamos este momento para se reunir com as pessoas, estar juntos em torno de uma mesa (um ritual bastante familiar), celebrar a vida de forma alegre e equilibrada, parece ser um bom momento do ano. Nós podemos co-criar o que é de fato esse ritual de Natal, nós podemos dar significado ao que talvez tenha se tornado vazio. Podemos propor novas formas de comemorar pras nossas famílias ou ao menos parar pra refletir ao invés de “comprar o pacote completo” porque é assim, sempre foi assim…Podemos resgatar a essência!Da nossa parte, queremos oferecer uma nova forma de presentear as pessoas nesse Natal, colocando no mundo presentes cheios de história, de transformação, de impacto positivo. Um presente da Revoada, quem sabe, poderá inspirar boas conversas na família sobre reinventar, reciclar, ser criativo, apoiar causas, consumir de forma consciente, sobre SER o que queremos ser pro mundo e no mundo. Neste Natal, comprem presentes de marcas éticas e conscientes, presentes que ajudam a melhorar o mundo. Levem algo inusitado pra ceia, apresentem um novo sabor pras pessoas. Abracem muito e amem muito, incluindo todas as diferenças que temos e somos. Deem muito amor pra receber ainda mais amor em troca, assim espalhamos esta energia e o mundo agradece.**Este post é como um pensamento em voz alta, uma reflexão da Revoada sobre as nossas vendas de Natal que logo vão começar, sobre SER e estar no mundo, a cada momento.

Vem aí, Lote E12.2018, com presentes lindos e dois produtos novos! Nossa oferenda, de dentro pra fora, pra compartilhar com vocês, nossos queridos vuelistas.

Deixe uma resposta